Caminha para refeição de “Robalo”


Caminha por aí fora e verás o que te surpreende!  A gastronomia é um dos pontos fortes deste concelho verde, fresco, acolhedor. Estamos no Minho, com paisagens de rara beleza,  um património edificado que nos desperta curiosidades, os rios e, quiçá uma opção de viagem no tempo, onde contrabando e cooperação, criaram episódios e ligações…

abrir d’apetites com Queijo de Serpa


Vou agarrar em mim, rumo  à “Semana Gastronómica do Queijo” que tem lugar em Serpa,  entre os dias 5 e 14 de fevereiro. Eu cá não sou barriga dalmece mas que dá vontade de provar, um pouco de tudo lá isso é verdade! Desde já e para um abrir de apetites, referir a criatividade da…

Lampreia e muito mais… em Penacova


Até que lhe mudava o nome… por vários motivos e mais um ainda…como será fácil perceber ! Sim não tenho” Pena” (da)”Cova”, que a vista é bela, verde, plena de vida, cheia de aromas, com uma página de história que importa, descubram leitores !  A em(“Pena”) é enorme e na  “Cova” fica o serpenteado do…

ator “apadrinha” festa do Queijo


25 anos é muito tempo…muitas edições a provar e promover o “Queijo Serra da Estrela”.  Que o diga o “padrinho” do evento e bom garfo Fernando Mendes, que é o rosto da promoção desta edição da “Festa do Queijo da Serra da Estrela”. Peso à parte , certo é que “Estrela mor”  é mesmo o…

Tasquinhas e produtos de Ourém


As TASQUINHAS, o artesanato, a Gastronomia, todo um conjunto de produtos da terra vão voltar a estar em destaque no âmbito da ” Feira dos Produtos da Terra” que tem lugar em Ourém.   Estimular e apoiar os agentes económicos, locais e regionais, bem como divulgar projetos associados ao mundo rural e promover ao mesmo…

Orelheira “rima” com Cabeceira(s)…


Estamos em contagem decrescente para a realização da Festa da Orelheira e do Fumeiro, em Cabeceiras de Basto, marcada para o período de 5 a 8 de fevereiro de 2016. Cabeceiras de Basto “abre portas” para mais uma edição – a XX «Festa da Orelheira e do Fumeiro», certame que decorrerá no Pavilhão Desportivo de…

Migas vamos lá…a Mora !


Migas vamos lá a elas …O mês de fevereiro em Mora, é dedicado a um dos pratos mais típicos da gastronomia alentejana. Dar a conhecer esta iguaria, ou melhor, as várias formas de levar as migas à mesa, um dos pratos, tradicionalmente mais frequentes na alimentação dos trabalhadores do campo, em tempo de vacas magras,…

até apetece Caminha …Doce


Se estar na “Caminha ” em manhã fria (ou tempo de chuva …ouvi-la a cair, sem ter de pressa de levantar) já é sinónimo de um bom dia, então ter caminha e ainda para mais doce, será de olhar os céus e dizer  “hummm que maravilha” !!! Pois mas tomem lá nota… é de prazeres…

Alheira de Mirandela 2 – Porto 1 …


E se Maomé … recordam-se ? E se as gentes do Porto não levam a Alheira…, levamos nós “Alheira de Mirandela” à Alfândega do Porto. A ideia não é nova mas facilita e muito a venda deste e outros produtos do fumeiro tradicional na cidade invicta ! Mais ainda, esta é uma estratégia que poderá…

TOMAR o gosto à Lampreia


Lampreia …quando se fala em lampreia lembra-se do Arroz da dita… ah mas isso é extremamente redutor sobretudo quando temos uma gastronomia rica, gente que respeita e preserva as tradições, chefs muito criativos e tudo um conjunto de ingredientes e ou acompanhamentos que podem fazer toda a diferença. Em Tomar assim acontece ao longo das…

Santiago dá-lhe Sopa(s)


Ir a Santiago para quê… dão -nos Sopa !!! Se não sabe o que é partilhar a conversa e a mesa, com amigos então,  leva Sopa!  Solidariedade faz-se também com Sopa ! Dinamismo na terra passa igualmente pela Sopa ! Mostrar dotes para a cozinha, diga-se mete, Sopa ! Ora mais jogos de palavras para…

Melgaço num saboroso Fim-de-Semana


Melgaço esse cartão de visita do luso território tem nos dias 5, 6 e 7 de fevereiro um especial convite para todos os amantes da boa mesa e da cozinha regional. A proposta é tentadora ou mesmo irrecusável, já que à mesa vai o “Cabrito do monte assado no forno” que se faz acompanhar de…